Poema | Marcelo Montenegro

Documentário

Numa aldeia devastada do Afeganistão,
um homem, alguns passos adiante
dos seus amigos (que seguem
conversando entre si), dá um depoimento
a uma repórter que o espectador não vê.
Depois, a câmera vai se afastando
em silêncio e, por poucos segundos
antes do fade out, vemos o homem
se juntar novamente aos amigos,
retomar a conversa, o curso de sua vida.
E eu ali, na sala, inconformado,
tentando ouvir (apud Marianne Moore)
“onde alguma coisa se esconde”.
Nas palavras de Paulo Henriques Britto,
“a música impossível do real”.

      Bárbara Scarambone
1

MARCELO MONTENEGRO nasceu em São Caetano do Sul (SP), em 1971. Publicou Forte Apache (2018), um dos vencedores do Prêmio Alphonsus de Guimaraens da Biblioteca Nacional — livro que também reúne, na íntegra, seus dois primeiros trabalhos, Orfanato Portátil (2003) e Garagem Lírica (2012).
Recomendar esta página via e-mail: